Vida em círculo

Infinito

como em um círculo

é nosso caminho.

A mesma correnteza que nos leva

nos traz.

Os torpedos que nos carregam ventania a fora

são os que nos derrubam ao solo

inertes.

Entre marés e céu

infinitas vezes vamos e voltamos.

Caímos.

Mas é ainda pior

quando quem cai está ao nosso lado.

Quando a pessoa amada é afogada

jogada violentamente ao solo.

O círculo.

E nós nos vemos apagados,

quase soterrados

esperando a próxima maré cheia

rezando para a amada levantar,

sem saber como ajudar.

No círculo

somos vulneráveis,

apenas

um ponto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Arquivos