Ser amorfo

Tente me abraçar Ouse me amar

Tente me abraçar
Ouse me amar

Chegue perto de mim

e tente me amar.

Se você conseguir

aí então eu direi:

eu acredito em milagres!

 

Sou a criatura insana

que traz um vendaval tormenta tsunami nos pensamentos,

fogo incendiário devastador assassino no peito,

e espinhos no ventre.

About Renata Maia

Aprendiz da Vida, paulistana, alforriada, jornalista, suicidologista, ativista na luta contra a psicofobia, escritora, mãe de três futuros (Pedro, Clara e Davi), e de Esperança. Fundadora, em João Pessoa / PB, da Associação Vida Nova de Estudo e Apoio a Familiares e Portadores de Transtorno Bipolar ou Depressão - recomeçar é da nossa natureza!

2 Comments

  1. Doce amor doído, chagado, sentido
    Amor que suavemente desafia o Ser a Vida…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Arquivos